A equipe Rottweilers Brasil teve o prazer de realizar esta entrevista com um dos grandes criadores da raça Rottweiler no Brasil.


Acompanhe na íntegra as opiniões do criador Mário Miglioli, titular do Canil Von Miglioli.

Mário, quando e como você iniciou no mundo da criação selecionada de Rottweilers?
Começamos nossa criação em 1994, com uma fêmea chamada Bess Lima, numa casa em Santa Tereza, bairro bucólico situado no centro do Rio de Janeiro, era uma cadela normal mas com um bom pedigree.

Quais as principais características que você busca em um bom exemplar da raça?
Tipicidade, um cão robusto sem ser grotesco; uma cabeça grande, sem ser exagerada; olhos escuros; orelhas bem inseridas; corpo compacto, cauda se posicionando corretamente, ótimo temperamento, disposto para o trabalho, enfim, na verdade esta tipicidade é a que qualquer bom criador deseja, e é aí que esta o pulo do gato, se conseguir unir a este tipo, o maior número de quesitos, pronto, vc ganhou a sorte grande, ou seja, terá um cão para vencer nas pistas por um longo período.

Você acha que o Brasil já tem linhas de sangue suficientes ou as importações ainda são necessárias? Por quê?
O Brasil tem uma linha de sangue muito respeitada, mas não o suficiente para ignorar importações de alto nível. Creio que importações hoje em dia tem de ser de alto nível, caso vc queira uma importação de nível médio, não se fará necessário trazer de fora, temos excelentes opções aqui no Brasil. O que eu quero dizer é que a importação tem de vir para acrescentar, não para constar.

No meio Rottweilerista se fala muito em exposições especializadas e sobre deixar as exposições gerais do kenneis, o que você acha sobre isso e quais as principais diferenças e vantagens das exposições especializadas?
Sou do grupo que apoia incondicionalmente as especializadas. É lá que temos em sua maioria juizes qualificados e estudiosos da nossa raça. Nas especializadas podemos ter um parâmentro do que vc tem em sua criação, é lá que encontramos os melhores criadores e é lá que fazemos belas amizades. Quanto as exposições gerais, me guardo o direito de não comentá-las profundamente, mas o que posso dizer é que estou muito desestimulado em relação a elas…” Juizes que não conhecem a raça profundamente”,” julgamentos bizarros” e etc. Não é a toa que a cada ano que passa , elas estão cada vez mais vazias.

Levando em consideração que os clubes da raça dependem dos sócios, em sua opinião qual o caminho para que mais criadores honestos e criando com qualidade surjam e se associem a estes clubes?
Apoio aos sócios, incentivos na compra de rações, transparência política e administrativa. Respeito e carinho com os sócios, pois sem eles nada acontece.

Sabemos que é uma grande emoção ver um de nossos cães entrando em pista, mas pode nos descrever qual a emoção de vencer uma especializada, ou mesmo uma classe?
A emoção de que seu trabalho foi recompensado, que você esta no caminho certo, emoção comparada a de uma criança que foi a uma loja de brinquedos e ganhou de presente aquilo que realmente desejava e sonhava.

Quais são os principais cães do seu plantel?
Ylcow Franklei Von Olívio , Pink Von Rannysweiler , Axel Ylcow Von Miglióli , Bony Overtaken By Darkness.

Existe algum cão fora da sua criação que você gostaria que fizesse parte do seu plantel? Por quê?
Sim, muitos (risos) mas prefiro não colocar nomes, poderia despertar ciúmes em outros amigos criadores.

Pode nos falar quais são os próximos passos do Canil Von Miglioli na criação?
Estamos adotando metas agressivas, tanto na compra de exemplares novos e importados, como na área de publicidade. Estamos investindo muito na estrutura, pois entendemos que sem ela, nada se torna viável, comprometendo com isto o futuro da criação.

Que dicas você daria para quem esta pensando em começar seriamente na criação de Rottweilers?
Ter consciência que criar bem, não é vender bem. Ser humilde o bastante para escutar e aprender. Ser paciente, se entregar de corpo e alma e fazer amigos no meio, pois sem eles, somos como uma ilha isolada no meio do oceano, pode ser até bonita, mas ninguém pode vêr.

A equipe Rottweilers Brasil agradece de coração a disponibilidade em nos dar essa ótima entrevista.

Para mais informações, acesse o site: Canil Von Miglioli

 

Equipe Rottweilers Brasil

 

, 18/09/2017